Bancos Centrais: Moedas Digitais e Implicações

Bancos Centrais: Moedas Digitais e Implicações

Mercado e Tendências
23 de setembro de 2019 por Thiago Nakashima
231
Moedas Digitais e Implicações para a Política Monetária Bancos centrais ao redor do mundo tem voltado sua atenção para as moedas digitais. A queda no uso do dinheiro em espécie e o desenvolvimento tecnológico têm forçado as autoridades monetárias globais a pensarem seriamente sobre a emissão de moedas digitais e uso de tecnologias como o
Banner sobre banco central e as implicações das moedas digitais

Moedas Digitais e Implicações para a Política Monetária

Bancos centrais ao redor do mundo tem voltado sua atenção para as moedas digitais. A queda no uso do dinheiro em espécie e o desenvolvimento tecnológico têm forçado as autoridades monetárias globais a pensarem seriamente sobre a emissão de moedas digitais e uso de tecnologias como o blockchain e o DLT. Como fica a política monetária sob a ótica dos problemas enfrentados na última década?

A análise cria um cenário hipotético onde um banco central é o emissor de moedas digitais que podem ser transacionadas diretamente com qualquer residente no país e que também sirvam como meio de pagamentos em geral; o nível de tecnologia torna o sistema de liquidações mais eficiente ao suprimir a necessidade de um “batedor de pontas”; e o nível de utilização da moeda digital seja significantemente alto.

Um grande dilema enfrentado pelos formuladores de política monetária no pós-2008 foi a adoção de taxa de juros negativas a despeito de limites estruturais. O principal deles seria a taxa de juros do dinheiro em espécie: 0% nominal, o que em teoria impossibilita a transmissão de uma taxa de juros abaixo de zero. A adoção de uma moeda digital traria fim a esse dilema e aumentaria a margem de manobra dos bancos centrais em tempos de crise.

Como toda a população poderá acessar diretamente os recursos do banco central, uma mudança do nível de juros deve se disseminar mais rapidamente na economia real via o canal de crédito ao consumo. Já os mecanismos de flexibilização quantitativa se aproveitariam de um sistema de liquidações mais eficiente.

Publicidade:

728x90 2 - Bancos Centrais: Moedas Digitais e Implicações

Uma opção controversa de política monetária seria facilitada. O “dinheiro do helicóptero” é uma expressão cunhada pelo economista Milton Friedman e muito utilizada por Ben Bernanke, presidente do FED durante a última crise e que atualizou o significado dela. A ideia é de depósitos periódicos feitos pelo banco central para todos os residentes no país. Atualmente os bancos centrais não possuem uma linha direta com a população e com isso o plano acaba trazendo implicações de caráter fiscal, como Bernanke detalha em seu livro “The Courage to Act” (2015).

Um lado relevante que deve ser observado é o impacto no setor bancário, hoje engrenagem tanto para o sistema monetário como para a economia como um todo. A possibilidade de transações diretas com o banco central com certeza traria dificuldades para o setor, que por outro lado teria que se reinventar para se manter atraente e lucrativo. Muito se especulou que a adoção de juros negativos no Japão em 2016 poderia quebrar instituições financeiras, mas o cenário não se concretizou até hoje.

Se por um lado uma moeda digital emitida por um banco central pode facilitar a transmissão de política monetária, por outra pressionará um setor ainda extremamente relevante para a economia global. Resta aos bancos centrais dormirem com seus dilemas.

BERNANKE, Ben, S. The Courage to Act. Northon & Company. 2015.

Sobre o Autor:

Thiago Nakashima – Economista formado pela PUC-SP, nascido em 1980, especializado em análise macroeconômica com grande experiência em fundos de investimentos multimercado e consultorias econômicas especializadas em aspectos regulatórios de defesa da concorrência. Seu enfoque acadêmico voltado para inovações schumpeterianas e economia comportamental é fruto de suas raízes na engenharia (passagem pela POLI/USP) e na produção cultural (produtor de música eletrônica).

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são de responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião da XDEX ou de seus controladores.

Adicionar um comentário