Como aprofundar o conhecimento em Cripto Economia

Como aprofundar o conhecimento em Cripto Economia

Institucional
9 de dezembro de 2019 por XDEX
410
Cripto economia, tokenomics, é a fusão de conhecimento em criptografia, cripto ativos e economia. Em outras palavras, é o uso de incentivos econômicos e criptografia para desenvolver novos tipos de sistemas, aplicações e comunidades. Para que o leitor possa entender a dificuldade e a necessidade de conhecimento necessário para executar o desenho mecânico de um
Banner sobre como aprofundar o conhecimento em criptoeconomia

Cripto economia, tokenomics, é a fusão de conhecimento em criptografia, cripto ativos e economia. Em outras palavras, é o uso de incentivos econômicos e criptografia para desenvolver novos tipos de sistemas, aplicações e comunidades.

Para que o leitor possa entender a dificuldade e a necessidade de conhecimento necessário para executar o desenho mecânico de um token, vou elencar nesse documento alguns aspectos essenciais sobre o assunto, mas o leitor vai perceber a necessidade de se aprofundar e estudar sobre todas as matérias envolvidas.

A XDEX agora em dezembro promoverá a venda de um curso com o renomado instrutor de neuro-finanças, Rodrigo Miranda.

Rodrigo é o criador do método Programação NeuroFinanceira e Especialista em MindSet para investimentos, atualmente atua como Coach Financeiro ajudando centenas de pessoas de diversos países a se libertarem financeiramente e conquistarem sua independência financeira.

Publicidade:

Banner Bitcoin Taxa Zero

É criador do método Programação Neuro financeira e responsável pela Universidade do Bitcoin e Extreme Coaching. Seus vídeos já somam mais de 1 milhão visualizações e seus cursos e treinamentos já possuem alunos de mais de 12 países espalhados pelo mundo.

É apresentador do programa de tv Mindset – Reprogramando a sua Mente, onde ajuda e orienta pessoas a se tornarem prósperas através da educação financeira de qualidade e mudança de mentalidade.

Adora o mercado financeiro e investimentos de alto retorno. Especialista em Bitcoin

Recentemente multiplicou o seu capital em mais de 2000% em menos de 1 ano.

Para ter acesso a inscrição do curso, CLIQUE AQUI.

Falando sobre cripto economia, destaco:

A “ciência” da cripto economia abrange quatro frentes macro:

  1. Incentivos econômicos – princípio do desenho do token e teoria dos jogos;
  2. Economia monetária – o token é uma moeda em um ecossistema;
  3. Finanças corporativas – financiamento de um ICO/IEO/STO, é um fundraising por natureza;
  4. Finanças de mercado – os tokens são líquidos e negociáveis em Exchange.

Além dessas quatro frentes, os tokens também possuem, ou podem possuir as seguintes características fundamentais:

  • Meio de troca
  • Unidade contábil
  • Reserva de valor

Para aprofundar o conhecimento dos incentivos econômicos envolvidos, se faz importante falar sobre a teoria dos jogos, o estudo de tomada de decisões estratégicas.

A teoria dos jogos foi elaborada por John Van Neumann e Osker Morgenstern em 1944 e foi considerada uma inovação no estudo dos mercados oligopolísticos.

Outro agente fundamental nessa análise de tomadas de decisão é o equilíbrio de Nash. Tal fato foi tão grandioso que até virou filme com a participação do ator Russell Crowe interpretando a vida do matemático John Forbes Nash. Ganhador do Nobel de economia de 1994 devido a essa teoria.

Para aqueles que pretendem aprofundar o conhecimento econômico, seguem os links para referência:

Entender e desenhar os incentivos econômicos são fundamentais para criar o ecossistema de cada token, seja ele, por exemplo, do Bitcoin, Ethereum, ou qualquer nova Altcoin utilitária, ou securitária que venha a ser criada.

De forma quantitativa, o tamanho de mercado e possível Valuation, salvo as proporções de limite a informação, de cada token é medido com os seguintes indicadores:

  • Tamanho do mercado disponível
  • Tamanho do mercado disponível que se adequa a oferta proposta
  • Tamanho do mercado a qual a proposta consegue almejar
  • Velocidade / liquidez
  • Modelo de desenvolvimento e incentivos econômicos do token
  • Recompensa proporcionada pelo token
  • Modelo é sustentável no longo prazo
  • Finalidade para a comunidade alvo do token faz sentido e é viável

Ao falar de política monetária, se entende quais são as medidas que uma instituição pode adotar para criar estabilidade para um determinado token. Lembre-se que em toda moeda existe, por exemplo, um processo inflacionário. Já sob outra ótica, um sistema deflacionário pode provavelmente ser mais adequado para um ecossistema lucrativo. O debate aqui se faz essencial, e com mais conhecimento certamente será mais produtivo.

Existem tipologias de projetos que não almejam o lucro, mas sim um crescimento sustentável e que objetiva compartilhar seus ganhos entre stakeholders pré-definidos. Ou seja, criar uma estratégia principal na mecânica para manter não somente um valor seguro para os detentores dos tokens, como também a finalidade que esses anseiam.

Destaco que dentro dos ecossistemas dos tokens é preciso separar o valor especulativo do valor funcional.

O valor especulativo é criado a partir da conceituação, ou ideia, mas não de um produto ou serviço real. Hoje vemos exemplos de projetos não só baseados em token, mas também em dinheiro fiduciário, esses podem ter um Valuation bilionário, mas logo pode se percebe que a empresa na verdade não possui todo esse valor, ou capacidade de geração de caixa, o que vira um grande mico para o investidor.

O valor funcional, por outro lado, existe devido a um produto / serviço que já está pronto e foi testado. Isso é importante na área tecnológica. Por vezes nos deparamos em promessas que no final não conseguem entregar o prometido na vida real. Investir dinheiro em algo que já se provou é mais interessante. Obviamente isso pode encarecer o valor de entrada do investimento.

Outro fator é a durabilidade, ou ausência de queda do sistema. Imagine sua empresa contratar um serviço, mas ele funcionar somente 60% do tempo. Tenho certeza que você não gostaria disso.

Por fim, algo que adicione valor na vida das pessoas. Não adianta ser inovador e não adicionar valor. As pessoas querem produtos que as satisfaçam, tragam contentamento.

Como citei no início desse documento, percebe-se que o tema não é tão trivial. Para criar um bom projeto, ou entendê-lo da melhor forma demanda gastar tempo de estudo em todas as matérias que compõe o desenvolvimento mecânico de um token e realizar uma profunda análise. Um token que esteja em um ecossistema fraco pode levar a questões legais e consequências dramáticas para os detentores de tokens.

Invista em bitcoins com segurança, facilidade e taxa ZERO: abra uma conta gratuita na XDEX

Sobre o Autor:

Equipe XDEX

Adicionar um comentário