Cripto Semanal #22

Cripto Semanal #22

Institucional
6 de maio de 2019 por XDEX
95
Tivemos mais uma ótima semana no mercado de criptoativos. Como pode ser visto na tabela abaixo, os principais ativos registraram uma alta considerável, apesar das incertezas advindas da exchange Bitfinex e o USD Tether. Em termos globais, o valor de mercado dos criptoativos voltou ao patamar de US$ 180 bi. Os assinantes do Crypto Fragility
Banner Cripto Semanal XDEX

Tivemos mais uma ótima semana no mercado de criptoativos. Como pode ser visto na tabela abaixo, os principais ativos registraram uma alta considerável, apesar das incertezas advindas da exchange Bitfinex e o USD Tether.

20190506 Tabela - Cripto Semanal #22

Em termos globais, o valor de mercado dos criptoativos voltou ao patamar de US$ 180 bi.

Os assinantes do Crypto Fragility Model têm sido devidamente alertados dos riscos e das oportunidades no mercado, especialmente no curto prazo. Quem tiver interesse em saber mais, pode acessar por este link.

Em decorrência da temporada de divulgações de resultados das empresas abertas, o mercado de bitcoin recebeu uma bela notícia: as vendas de BTC pelo app Cash da Square Inc têm subido consistentemente. Comparando o trimestre atual contra o mesmo trimestre do ano passado, as vendas quase dobraram. Para quem não sabe, o CEO da Square é Jack Dorsey, fundador do Twitter e entusiasta confesso do bitcoin.

Publicidade:

Banner Bitcoin Taxa Zero

Falando em rede social, uma reportagem do Wall Street Journal forneceu mais detalhes sobre a tão aguardada entrada do Facebook no mercado de criptos, blockchain ou simplesmente de pagamentos. Segundo o jornal, o nome do projeto se chama Libra e contará com uma rede de pagamentos baseada em uma stablecoin (estilo USD Tether, USDC, TrueUSD).

O Facebook está buscando mais de US$ 1 bilhão com parceiros para investir no projeto. A empresa estaria supostamente recrutando dezenas de instituições financeiras e de pagamentos para alavancar o lançamento do projeto.

Além disso, segundo a notícia, é provável que a “Facebook-coin” faça parte integral da plataforma de anúncios, pagamentos e recebimentos dos clientes e usuários. Sem dúvida alguma, é um projeto que merece ser olhada com a atenção, pois sua repercussão será enorme.

No âmbito dos investidores institucionais, a gigante Fidelity Investments divulgou uma recente pesquisa realizada por ela própria com mais de 400 investidores institucionais em parceria com sua subsidiária Fidelity Digital Assets. Cerca de 22% dos respondentes confirmaram já ter alguma exposição a ativos digitais, sendo que quase metade (47%) acredita que ativos digitais merecem um lugar num portfólio de investimentos.

Dentre os respondentes estão fundos de pensão, fundações, family offices, gestores, assessores financeiros. Ou seja, trata-se de um público bastante representativo que já confirma o crescente interessepor essa nova classe de ativos.

Há um grande componente geracional nos criptoativos, o que pode ser comprovado por uma pesquisa encomendada pela Blockchain Capital. Em um artigo intitulado “Bitcoin é mega-tendência demográfica”, Spencer Bogart da Blockchain Capital analisa os resultados do material. Duas tendências são evidentes: as gerações mais novas têm muito mais familiaridade, percepção, convicção e propensão a usar/comprar e o crescimento de percepção entre todas as gerações nos últimos anos.

Por fim, mais uma análise de preço: segundo a Delphi Digital, parece que o bitcoin realmente bateu o fundo do poço em 2019. Tendo a concordar.

Uma boa semana a todos!

Fernando Ulrich,
Analista-Chefe da XDEX.
www.xdex.com.br

Adicionar um comentário