Panorama 2019 sobre Blockchain, ICO e IEO

Panorama 2019 sobre Blockchain, ICO e IEO

Tecnologia
19 de agosto de 2019 por Paulo Junqueira
221
De 2017 até o momento, tem sido um período de experimentação para a tecnologia Blockchain. Muitas empresas já perceberam os benefícios e desafios dessa tecnologia. O entusiasmo em relação à tecnologia Blockchain continua a ser mundialmente semelhante, uma vez que organizações e empresas continuam a explorar as possíveis aplicações nos negócios. Além das Criptomoedas, a
Banner panorama mundial do Blockchain, ICO e IEO

De 2017 até o momento, tem sido um período de experimentação para a tecnologia Blockchain.

Muitas empresas já perceberam os benefícios e desafios dessa tecnologia. O entusiasmo em relação à tecnologia Blockchain continua a ser mundialmente semelhante, uma vez que organizações e empresas continuam a explorar as possíveis aplicações nos negócios.

Além das Criptomoedas, a adoção de tecnologia Blockchain em vários setores está crescendo, notadamente nos serviços financeiros, seguros, saúde, varejo, etc.

De acordo com a IDC, os gastos globais em Blockchain serão da ordem de USD$ 2,9 bi em 2019 e USD$ 12,4 bi em 2022. Mas apesar desse crescimento acelerado, os padrões setoriais e questões regulatórias continuam a impedir a adoção generalizada. Ainda falta um ambiente regulatório propicio para que a tecnologia permeie toda a sociedade econômica com a segurança que o mercado deseja.

Publicidade:

728x90 2 - Panorama 2019 sobre Blockchain, ICO e IEO

O ano de 2019 já sinalizou melhoras em relação a 2018 que foi um ano fraco para as criptomoedas.

O Bitcoin nos 6 primeiros meses de 2019 teve uma alta de 278% em dólar, e de acordo com o site ICOBench, neste mesmo período 648 ICO (Initial Coin Offering) foram lançados, captando USD$ 2,6 bi. A maiores contribuições foram a Bitfinex (USD 1bi) e Gate.io (USD 300 mm).

O IEO (Initial Exchange Offering) em 2019 teve um grande destaque, pois essa modalidade emergiu como um novo formato de captação, o qual é conduzido através de uma ou mais Exchanges. Esse instrumento captatório é mais eficiente em custo e com melhor escalabilidade, pois a Exchange já possui uma base de cliente ativa. Dessa forma, a promoção mercadológica cabe a Exchange. Se a escolha for por uma Exchange de renome, o projeto também carrega conjuntamente uma estampa de confiança, o que é fundamental para seu sucesso. As questões de segurança, KYC e AML, também são de responsabilidade do terceiro.

A conclusão é o que ao delegar essa função ao terceiro, o time de desenvolvimento foca nos recursos core, como o produto, tecnologia e modelo de crescimento sustentável.

A popularidade do IEO cresceu muito em 2019, tal como a quantidade de projetos que utilizaram esse meio de captação. A Binance foi pioneira nesse método, estabelecendo o Binance Lauchpad. Nos primeiros 6 meses de 2019, de acordo com o website CoinSchedulle foram lançados 372 projetos os quais captaram mais de USD$ 1,5 bi.

Mesmo com a melhora do cenário, a quantidade de tokens emitidos via ICO ainda é a preferida, mas abaixo do patamar de anos anteriores. Em contraste, o lançamento de projetos do IEO no primeiro semestre de 2019 representa um aumento de 6.000% em comparação a 2018.  Os tokens emitidos no primeiro semestre de 2019 foram assim distribuídos: ICO (69%), IEO (21%) e STO (10%).

Os EUA emergiram como líderes globais com 66 ofertas de token. A segunda é Cingapura, que cresce em popularidade como uma jurisdição favorável para vendas de tokens com 52 ofertas. A China, apesar de realizar 30 ofertas de tokens, levantou o maior capital em 2019, apesar da postura anti-cripto do país.

Paulo Junqueira – Paulo Junqueira é um gestor com mais de 15 anos de experiência em consultoria de gestão estratégica e organizacional. Atua no mercado de criptomoedas desde 2016 e atualmente presta consultoria para startups que pretendem lançar ICO, IEO e/ou STO. Formado em Administração Pública pela FGV em 2002 e mestrado em 2005 pela Universidade de Barcelona.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são de responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião da XDEX ou de seus controladores.

Adicionar um comentário